TVs Educativas

TV Guarnicê

Um dos pilares do desenvolvimento é a informação. Nesse sentido, o papel das televisões abertas é de extrema relevância dada sua grande penetração em relação a outras mídias, principalmente nas classes C, D e E e nas regiões mais afastadas geograficamente - cerca de 80%, segundo Mídia Dados 2006.

A oferta de programação de alta qualidade, identificada com os valores nacionais e regionais, contribui para a integração, para o desenvolvimento e para o bem-estar social.

A Fundação Nagib Haickel é detentora das concessões de canais de TV’s Educativas de São Luis (1) e de Imperatriz (2). Esses instrumentos, integrados aos demais projetos da fundação, potencializam sua capacidade de promover transformações no âmbito da cultura e da educação e estreitam sua parceria com a sociedade na constante construção de valores da cidadania.

Dezessete municípios, com uma população estimada em mais de 1,5 milhões de habitantes, serão inicialmente atingidos pela programação em dois estados: Maranhão e Tocantins.

data-cke-saved-src=/site/fotos/foto_tvseducativas3.png

Como meta para este projeto da TVG, estabeleceu-se uma penetração-alvo de 3% do universo de cobertura e a obtenção da sustentabilidade, através de apoios culturais, institucionais, e de parcerias com os governos municipais, estaduais, e federal, em um horizonte de 5 anos.

A TV Guarnicê oferecerá 3 horas de telejornalismo local, entrevistas e conteúdos relacionados à cidadania, saúde, qualidade de vida, preservação do meio ambiente e responsabilidade social, além de educação e cultura.

Conteúdos gerados pela produtora do MAVAM e por outras Televisões Educativas do país e do exterior também comporão a grade de programação.

No terceiro ano do projeto, prevê-se a disponibilização do sinal via satélite o que ampliará decisivamente sua área de cobertura, não só para os 217 municípios do Maranhão como para todo território brasileiro.

Implantada essa etapa do projeto será possível o desenvolvimento de ações voltadas a comunidades específicas a fim de promover sua inserção, reduzindo diferenças sócio-culturais e estimulando iniciativas empreendedoras nas áreas de educação e geração de renda através da celebração de convênios com prefeituras locais para utilização de seus sistemas de retransmissão.

Serão potenciais beneficiários dos projetos: alunos, professores e dirigentes das escolas públicas, pequenos agricultores, cooperativas, agentes de saúde, dentre tantos outros elementos multiplicadores da sociedade.

Além do seu papel cultural e educativo, a TV Guarnicê atuará no sentido de gerar emprego e formar profissionais para a indústria local da comunicação contribuindo para a qualificação de jovens talentos.

A TV Guarnicê gerará cerca de 90 postos de trabalho na área de radiodifusão, concepção, produção, captação, edição, exibição, entre outros, e contribuirá para estimular o mercado regional  de serviços relacionados ao setor.

data-cke-saved-src=/site/fotos/foto_tvseducativas4.png

 


(1) TV Educativa de São Luis - Decreto Legislativo 481 de 06.08.2003, publicado no Diário Oficial da União em 07.08.2003.
(2) TV Educativa Imperatriz - Decreto Legislativo 287 de 25.04.2005 publicado no Diário Oficial da União em 26.04.2005.